Siga-nos!

O que é que a OMS diz sobre o CBD?

Partilhar

As pessoas estão preocupadas com o CBD em grande parte porque a canábis é um assunto tabu.

Os benefícios do CBD são muitos e, felizmente, há cada vez mais informação disponível. Hoje vamos dar-lhe a conhecer os factos sobre um relatório publicado pela OMS (Organização Mundial de Saúde) sobre o CBD, que pode ler aqui. descarregar aqui.

Assim, sem mais demoras, vejamos o que diz o relatório:

1. dependência e vício em CBD

"Parece ótimo, mas e se eu ficar dependente?" o "Se funciona tão bem, será que posso ficar viciado?"Estas são perguntas que nos foram feitas milhares de vezes, e é normal, porque há muitas pessoas que começam a tomar um medicamento por causa da dor, ou por qualquer outro motivo, e acaba por abusar dele.

Não existem casos registados de dependência ou abuso de CBD.

Organização Mundial de Saúde

O relatório da OMS diz-nos que o CBD não causa dependência. Estudos efectuados em ratos mostraram que não havia dependência do CBD (ao contrário do THC).

Até à data, não há registo de casos de abuso ou dependência de CBD.

2) Reacções adversas

Não foram encontradas reacções adversas e, aparentemente, existem poucos efeitos secundários quando misturado com alguns medicamentos. Já tem o link para o documento da OMS para descarregar, mas se for demasiado pesado para si, no Project CBD também está muito bem explicado aqui.

3. Benefícios positivos

O relatório da OMS diz-nos que o CBD provou ser um tratamento eficaz para a epilepsia. Diz-nos também que isso se deve ao facto de existirem muitos estudos neste domínio. Embora as outras investigações sejam consideravelmente menos avançadas, a maior parte delas são provas pré-clínicas, mas são provas, no entanto, e dizem-nos que as propriedades do CBD são:

  • neuroprotector
  • medicamentos antiepilépticos
  • ansiolíticos
  • antipsicóticos
  • analgésicos
  • anti-inflamatório
  • anti-asma
  • agentes anti-tumorais.

Em países como os EUA, a Suíça ou a Inglaterra, a O CBD ajuda muitas pessoas na sua vida quotidianae esse número está a aumentar todos os dias. É realmente uma pena que em Espanha, como sempre, ainda estamos super cansados) ainda não é aceite para venda para consumo humano.

Responsabilidade: As informações listadas, referenciadas ou ligadas a esta publicação e a todo o conteúdo do blogue destinam-se apenas a fins educativos gerais e não constituem aconselhamento médico ou jurídico profissional.

Subscrever a nossa Newsletter

Mantenha-se atualizado com as nossas notícias

Outros postos

Carrinho de compras0
Não existem produtos no carrinho!
Continuar a comprar
0
Deslocar para o topo

Iniciar sessão

Comece a escrever para ver os produtos que procura.

TEM MAIS DE 18 ANOS?

ESTE SÍTIO UTILIZA COOKIES. AO ENTRAR, CONCORDO COM OS TERMOS DE UTILIZAÇÃO TERMOS DE UTILIZAÇÃO E POLÍTICA DE PRIVACIDADE.